Menu fechado

Problemas e causas da obesidade infantil

A obesidade é uma doença que figura como um dos maiores, e ainda crescentes, problemas de saúde pública no mundo.

Dados recentes apontam que uma em cada três crianças de 5 a 9 anos apresenta excesso de peso, sendo que 16,6% do total de meninos e 11,8% das meninas são obesos. As principais causas relacionadas ao aumento da obesidade em crianças parecem estar relacionadas às mudanças no estilo de vida e aos hábitos alimentares infantis.

Crianças em idade pré-escolar e escolar estão passando pela formação do hábito alimentar e são vulneráveis às condições do ambiente que as cercam. Portanto, os hábitos alimentares da família são importantes exemplos para a criança e influenciam muito no tipo de alimento que ela consome. Ou seja, não adianta nada insistir para seu filho comer fruta se você não come. Dê o exemplo no dia-a-dia e veja a diferença.

Além disso, ainda há a influência externa, que bombardeia as crianças com grande oferta de alimentos contendo uma gama de gorduras saturadas, trans, alimentos fritos, doces refinados e muitas outras fontes de energia e gorduras que os pequenos adoram. Não é preciso proibir estes tipos de alimentos, mas mostrar para as crianças que eles devem ser consumidos esporadicamente.

A elaboração da lancheira escolar também merece grande atenção, tendo papel crucial na alimentação infantil e no desenvolvimento de hábitos saudáveis. A inclusão de produtos nutricionalmente adequados, como frutas, pães e biscoitos integrais com queijos frescos, sucos naturais e bebidas à base de soja facilita a composição de um lanche equilibrado e auxilia para a boa nutrição da criança.

É importante ressaltar que o estilo de vida contemporâneo faz com que as crianças permaneçam mais tempo em casa e com atividades cada vez mais sedentárias. Encorajar as crianças a se exercitarem, praticarem esportes, dança e brincadeiras lúdicas auxiliam na prevenção e controle da obesidade infantil.

Fonte: A Critica

Post relacionado

Deixe uma resposta