Menu fechado

Diabetes: sintomas, complicações, prevenção e tratamento da doença

Corredor há quase 30 anos, o treinador Marcelo Tavares, de 38, sempre teve o esporte presente constantemente em sua rotina. Há dois meses, no entanto, ele teve que deixar seu maior vício de lado por conta de um transplante renal. O problema começou com um diabetes e acabou resultando na falência dos rins. Após mais de um ano de hemodiálise, ele fez recentemente o transplante do órgão – doado por um sobrinho. Se a cirurgia garante a sensação de segurança e mais qualidade de vida, representa também um árduo tempo de recuperação até poder retornar às pistas. Com a previsão de ficar mais um mês parado, a expectativa em torno da volta é grande.

– Na verdade, quero logo voltar a treinar. Só não quero entrar na loucura que era antes, de percorrer 130 quilômetros por semana. Não quero mais isso, nem consigo. Mas quero voltar a fazer provas de 10 km e meias. Já tenho data marcada para voltar às corridas: a Meia da Disney na primeira semana de janeiro. Já está tudo pago – diz o corredor, que já atingiu marcas como: meia maratona para 1h11m; 10km para 31m; e 5 km para 14m47s.

Além da insuficiência renal, o diabetes pode provocar grandes danos à saúde, como: ataque cardíaco, derrame cerebral, cegueira e até a amputação do pé. A doença tem relação direta com os níveis de açúcares no sangue e a produção de insulina, como explica o médico Paulo Olzon, clínico geral da Unifesp.

Fonte: Globo Esporte

Post relacionado

Deixe uma resposta